Traçados da corrupção no Brasil a enunciação visual em charges políticas

Fabiano Maggion, Adair Caetano Peruzzolo

Resumen


A crónica jornalística em forma de desenho é uma das narrativas mais significantes, pelas linguagens que usa e peia forma com que tece discursos sociais. Os eventos retratados nas charges são ricos esboços dos momentos porque passam as culturas de determinados grupos sociais. Este texto pretende analisar as representações de corrupção, no governo brasileiro, estampadas em algumas charges jornalísticas. Para tanto, analisa a charge como um enunciado icónico, portador e produtor de sentidos. Na esteira dessa análise, procura-se ver a modo como a imagem, no caso a charge, é capaz de elaborar temas de caráter jornalístico, tal como a corrupção na política. Os aportes teórico-metodológicos foram feitos a partir da Teoria da Imagem e Semiologia dos Discursos Sociais.


Palabras clave


charge; imagem; significação na imagem; enunciação visual; corrupção

Texto completo:

PDF

Enlaces refback

  • No hay ningún enlace refback.




Copyright (c) 2014 Chasqui. Revista Latinoamericana de Comunicación

Licencia de Creative Commons
Este obra está bajo una licencia de Creative Commons Reconocimiento-NoComercial-SinObraDerivada 4.0 Internacional.

convocatorias

Es una edición cuatrimestral creada y editada por CIESPAL.
Av. Diego de Almagro N32-133 y Andrade Marín.
Quito-Ecuador.

Síguenos en:

convocatorias

convocatorias

Revista Chasqui 2018
está bajo Licencia Creative Commons Atribución-SinDerivar 4.0 Internacional.